DIA DA VOVÓ


SAUDADES SEMPRE DA MINHA,...

Desde criancinha todos diziam que eu era e continou sendo o xerox da minha, pelo modo como expresso meus sentimentos, me comunico com as pessoas, a forma como me visto, o jeito Amélia de ser, talvez não por coincidência este é o nome dela (...),impossivel dizer a palavra era seu nome.

Batalhadora,guerreira,amável com todos,carinhosa com os netos,nunca precisou comprar presentes para nos ter ao seu redor, bastava seu colo, seu perfume no ar, tudo me fazia correr ao seu encontro todos os domingos onde nossa familia se reunia toda,completa,vovó sempre a matriarca, a cozinheira de mão cheia, a esposa sem exagero submissa as regras e ordens de meu avô(...) a sogra amada,a avó mais amada(...)!

Quando conseguia sair da chácara onde passou grande parte da vida seu maior desejo sempre era de nos visitar, chegava vestida como que para uma festa,cheia de brilhos, jóias, saltos, vestidos que ela mesma fazia, meu avô?...nem pensar onde já se viu uma mulher gastar dinheiro com essas coisas?

Ainda  hoje sinto seu perfume que impregnava o chocolate Sensação que me levava escondida dentro da bolsa de canutilhos dourados...nos deixou jovem, e com saudades pra sempre.

Mas não por isso ficamos longe,sem saber como, escuto sua voz, sinto seu cheiro, vejo seu sorriso.

Por isso tudo e muito mais fiquei muito emocionada quando ouvi o seguinte poema de Arnaldo Antunes:

"Neto e neta são netos, no masculino. Filho e filha são filhos, no masculino. Pai e mãe são pais, no masculino. Avô e avó são avós"


(As Coisas)

Espero que tenham a felicidade de compartilhar ao máximo o prazer de abraçar a sua, dividir suas traquinagens mas sem esquecer que ela é a VOZ!

Beijo vovó
Assinado : Tatinha

.

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Emocionante...
    Lindo mesmo : )

    ResponderExcluir

SILVINHA PALIVANAS

!